Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da influência do fluido de corte no torneamento da liga AA7075

Processo: 09/01082-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2009
Vigência (Término): 31 de março de 2010
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Mecânica - Processos de Fabricação
Pesquisador responsável:Marcos Valério Ribeiro
Beneficiário:Rafael Gonçalves dos Santos
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEG). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Guaratinguetá. Guaratinguetá , SP, Brasil
Assunto(s):Fluidos de corte e usinagem   Rugosidade   Alumínio   Usinagem

Resumo

Uma das maneiras de se minimizar os efeitos dos tempos improdutivos causados pelos desgastes das ferramentas, pode ser alcançada pela introdução, no processo, de sistemas de lubrificação e refrigeração eficientes. Porém, na última década as pesquisas tiveram como meta restringir ao máximo o uso de fluidos refrigerantes e/ou lubrificantes na produção metal-mecânica. Os fatores importantes que justificam esse procedimento incluem os custos operacionais da produção, questões ecológicas, as exigências legais de conservação do meio ambiente e a preservação da saúde do ser humano. O objetivo do trabalho proposto é o estudo da usinagem por torneamento com o enfoque na influência causada pela aplicação de diferentes tipos de fluido de corte (de base mineral e vegetal) e por diversas formas de aplicação (abundante e MQF) e também através da comparação com os resultados obtidos na usinagem sem a presença de fluido. Para tanto, os ensaios de torneamento serão realizados utilizando uma liga de alumínio (AA 7075). As variáveis de resposta a serem analisadas seriam as rugosidades obtidas (Ra e Ry), os desgastes apresentados (VB) e suas respectivas progressões em relação ao tempo ou ao comprimento de corte alcançado; a morfologia (microscopia) e o grau de deformação (microdureza) dos cavacos formados, além das variações do grau de acabamento (rugosidade) apresentado pelas peças torneadas. Os resultados deste trabalho devem oferecer informações mais detalhadas sobre a real influência dos fluidos de corte no torneamento dessa liga, que se caracterizam pelas altas taxas de deformação quando da formação do cavaco prejudicando a sua usinagem e também a qualidade da superfície gerada. Assim sendo, se espera apresentar subsídios para se promover a otimização da usinagem desta liga tirando o máximo proveito do papel do fluido de corte.