Busca avançada
Ano de início
Entree

Fragmentacao socioespacial em presidente prudente? analise dos loteamentos fechados, dos condominios horizontais e de novas praticas socioespaciais.

Processo: 06/57744-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2007
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2007
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Geografia - Geografia Humana
Pesquisador responsável:Maria Encarnação Beltrão Sposito
Beneficiário:Clayton Ferreira Dal Pozzo
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Assunto(s):Cidades médias   Presidente Prudente (SP)

Resumo

Com a realização da pesquisa proposta neste projeto pretende-se contribuir para o estudo da fragmentação socioespacial em cidades médias, a partir da identificação e análise das práticas socioespaciais de moradores auto-segregados no espaço urbano de Presidente Prudente e da análise da produção de novas centralidades associadas ao processo de auto-segregação. O estudo privilegiará caracterização e análise das práticas socioespaciais dos moradores de condomínios horizontais e loteamentos fechados, observando-se o local de trabalho, o de ensino/formação, as áreas utilizadas para o lazer e para o consumo de bens e serviços, avaliando em que medida esses moradores optam por espaços privados e de uso coletivo com uso e apropriação, predominantemente, por segmentos sociais de alto e médio poder aquisitivo. Além disso, buscará identificar a formação e caracterização de novas centralidades no entorno dos espaços auto-segregados que foram produzidos, em certa medida, para atender a demanda dos moradores desses espaços. A questão que orientará o desenvolvimento da pesquisa é: as práticas socioespaciais dos sujeitos auto-segregados no espaço urbano conduzem, no caso em estudo, à fragmentação socioespacial e, conseqüentemente, à produção e reprodução de novos valores urbanos? (AU)