Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento do modelo de kindling induzido por pentilenotetrazol em saguis

Processo: 05/55768-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2005
Vigência (Término): 31 de outubro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Luiz Eugenio Araujo de Moraes Mello
Beneficiário:Miriam Marcela Blanco
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:05/56661-9 - Epilepsia do lobo temporal: um estudo de correlação da imagem do cérebro, características morfológicas, achados eletrofisiológicos, aspectos normais e neuroquímicos em seres humanos com e sem esclerose mesial temporal, AP.CINAPCE.TEM
Assunto(s):Hipocampo   Pentilenotetrazol   Modelos animais

Resumo

As epilepsias do lobo temporal (ELT) são altamente refratárias aos tratamentos farmacológicos. Dois grupos de modelos experimentais foram recomendados como ferramentas úteis na seleção de tratamentos antiepilépticos: modelo baseado na indução de status epilepticus e indução química ou elétrica de kindling. Modelos animais de epilepsia que melhor se assemelhem e traduzam as implicações de uma condição epiléptica humana são instrumentos valiosos para o estudo das ELT e permitem o desenvolvimento de estratégias eficazes de tratamento. Neste trabalho avaliaremos a desenvolvimento e caracterização do modelo de Kindling induzido por pentilenotetrazol (PTZ) em sagüis, como um modelo possível para o estudo da ELT. Assim como comparar as características morfologicas e funcionais com o modelo de indução da pilocarpina em sagüis. Em um segundo momento, propomos investigar a hipótese de que a administração de neuropeptídeo (NPY) afeta o desenvolvimento do processo de ictogênese e, se possível, de epileptogênese, e avaliar o desenvolvimento de uma nova estratégia antiepiléptica baseada na transferência in vivo do vetor de adenovirus-associado (AAV) do gene NPY. Essa estratégia será investigada nos modelos de Kindling induzido por PTZ (supondo o sucesso da primeira etapa) bem como no modelo da pilocarpina (atualmente em desenvolvimento como parte de outro projeto do laboratório). (AU)