Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da distribuição do diâmetro de bolhas na transferência de oxigênio em biorreatores pneumáticos de bancada

Processo: 07/06506-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2007
Vigência (Término): 09 de setembro de 2008
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Operações Industriais e Equipamentos para Engenharia Química
Pesquisador responsável:Alberto Colli Badino Junior
Beneficiário:Juliana Carolina Baldacin
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Engenharia bioquímica   Reatores biológicos   Transferência de oxigênio

Resumo

Em processos bioquímicos é de extrema importância o conhecimento sobre os parâmetros operacionais dos biorreatores. Dentre os parâmetros operacionais, a hidrodinâmica se inclui entre os mais significativos para a análise do comportamento do meio reacional no biorreator. No que diz respeito a processos aeróbios, a transferência de oxigênio é bem caracterizada a partir do coeficiente de volumétrico de transferência de oxigênio, produto do coeficiente convectivo (kL) e da área interfacial de transferência de massa (a). No presente projeto propõe-se avaliar a transferência de oxigênio em dois modelos de biorreatores pneumáticos (coluna de bolha e airlift do tipo “split”), operados com diferentes fluídos Newtonianos (água e soluções de glicerol), através da análise da distribuição do tamanho de bolhas presentes nos biorreatores e do coeficiente convectivo de transferência de oxigênio (kL), buscando individualizar o efeito de cada parâmetro no coeficiente volumétrico de transferência de oxigênio (kLa). Serão avaliadas as influências dos diferentes modelos e escalas de biorreatores.