Busca avançada
Ano de início
Entree

Crescimento e saúde em populações pré-históricas: o exemplo dos sambaquis

Processo: 01/00941-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2001
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2002
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Arqueologia - Arqueologia Pré-histórica
Pesquisador responsável:Sabine Eggers
Beneficiário:Cecilia Carlucci Petronilho
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:99/12684-2 - Investigações arqueológicas e geofísicas dos sambaquis fluviais do Vale do Ribeira de Iguape, estado de São Paulo, AP.TEM
Assunto(s):Crescimento populacional   Sambaquis

Resumo

O conhecimento do estilo de vida dos grupos costeiros pré-históricos do Brasil ainda é pequeno e pouco integrado. Estudar crescimento e saúde como produtos da interação da nossa biologia, o meio físico em que vivemos e o meio social/econômico/político que a cultura humana criou permite melhor compreender a natureza biocultural da nossa espécie. O objetivo do presente trabalho é testar em diferentes populações esqueletais humanas brasileiras do holoceno (sambaquis e acampamentos litorâneos) se maiores prevalências de doenças infecciosas sistêmicas que refletem maiores densidades demográficas estão relacionadas a menores estaturas. Para tanto, serão estimados sexo, idade, estatura e paleopatologia de cada indivíduo de cada sítio. Posteriormente os sítios serão comparados levando em consideração informações arqueológicas específicas. Os dados serão analisados estatisticamente com o auxílio do programa SPSS. (AU)