Busca avançada
Ano de início
Entree

Producao de enzimas lignoceluloliticas por fungos basidiomicetos de degradacao branca cultivados em residuos agroindustriais atraves de fermentacao semi-solida.

Processo: 04/02271-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2004
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2004
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária
Pesquisador responsável:Lucia Regina Durrant
Beneficiário:Kethlen Rose Inácio da Silva
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Resíduos agroindustriais   Biodegradação   Enzimas lignocelulolíticas

Resumo

Resíduos agroindustriais são amplamente produzidos pela atividade humana, porém a maioria desses materiais é parcialmente ou completamente desperdiçada, sendo transformados em poluentes do meio ambiente. Para que haja o aproveitamento desses resíduos lignocelulósicos, já que apresentam um grande potencial energético e de transformação para a produção de substâncias para as mais variadas aplicações, será estudado a utilização de microorganismos capazes de biodegradá-los. Fungos basidiomicetos de degradação branca pertencente ao gênero Pleorotus serão cultivados em resíduos agroindustriais tais como: bagaço de cana-de-açúcar, casca de arroz, farelo de arroz e farelo de trigo, através de fermentação semi-sólida com o objetivo de produzir-se enzimas lignocelulolíticas para posteriormente extraí-las, determiná-las e analisar sua eficiência na biodegradação. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)