Busca avançada
Ano de início
Entree

Inibição da expressão da proteína FMNL1 em neoplasia linfóide: uma nova estratégia para terapia-alvo específica?

Processo: 08/10021-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2009
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2010
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Sara Teresinha Olalla Saad
Beneficiário:Patricia Maria Bergamo Favaro
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Interferência de RNA   Hematologia

Resumo

O projeto Genoma do Câncer gerou uma grande quantidade de informações para a caracterização de novos genes expressos em neoplasias, e dentre estes, o gene da proteína FMNL1 que foi descrito pelo nosso grupo. FMNL1 é uma proteína humana, pertencente à família das forminas, altamente expressa em linhagens de leucemia linfóide aguda e células mononucleares de pacientes com leucemia linfóide crônica (principalmente com pior prognóstico), se comparadas às células hematopoéticas normais, e altamente expressa em células de linfoma não hodgkin se comparadas ao tecido linfóide normal. Além disso, FMNL1 associa-se com Akt, uma importante via de transmissão de sinalização celular envolvida em processos neoplásicos. Esses dados indicam um papel funcional dessa proteína na transformação neoplásica. Nesse projeto pretendemos realizar a inibição da proteína FMNL1, através do uso de vetor lentiviral codificando uma sequência específica de RNA de interferência para o gene em questão, e desse modo caracterizar o efeito anti-neoplásico desse silenciamento. Esperamos observar ou uma diminuição da proliferação ou uma indução da apoptose nas células neoplásicas linfóides nos modelos de leucemia linfóide propostos nesse estudo. A principal perspectiva desse projeto é contribuir para a caracterização de FMNL-1 como uma nova candidata à terapia alvo-específica, promovendo o desenvolvimento de novas fronteiras em diferentes áreas de pesquisa, especialmente a oncologia e a terapia gênica.