Busca avançada
Ano de início
Entree

Hippolyto gustavo pujol junior (1880-1952) - engenheiro arquiteto e civil. fontes para o estudo da introdução da tecnologia do concreto nas obras arquitetônicas de São Paulo

Processo: 95/06939-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 1996
Vigência (Término): 31 de janeiro de 1998
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Fundamentos de Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Maria Lucia Caira Gitahy
Beneficiário:Andre Luis Balsante Caram
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Arquitetura eclética   Tecnologia do concreto   Modernismo   História social

Resumo

Este projeto de pesquisa para Bolsa de Iniciação Científica da FAPESP busca realizar um levantamento documental sistemático para o estudo da obra de Hippolyto Gustavo Pujol Júnior, engenheiro civil e arquiteto formado pela Escola Politécnica no início do nosso século - cobrindo grosso modo o período que vai dos últimos anos do século passado aos primeiros anos da década de 1950. A partir da localização das obras, pretende-se analisá-las em todos os seus aspectos, compondo um quadro geral da produção técnica e arquitetônica por ele desenvolvida. Aspectos de sua formação profissional e de sua produção teórica e crítica, assim como do contexto histórico em que desenvolveu suas atividades, também serão objeto desta investigação. Um aspecto será enfatizado: o uso do concreto nestas obras. O período focalizado caracteriza-se pela introdução da tecnologia do concreto em São Paulo e interessa esclarecer aqui as condições em que esta ocorre e sua difusão nas obras paulistas, sendo razoável levantar a hipótese de que alguns dos engenheiros-arquitetos da Politécnica tenham tido um papel importante nesta difusão. Entre eles certamente destaca-se a figura de Hippolyto Gustavo Pujol Júnior. Como o concreto acaba por tomar-se linguagem muito significativa na passagem do ecletismo ao modernismo arquitetônico, é mais do que justificado o interesse histórico pelo momento de sua introdução. Este projeto de pesquisa busca um diálogo entre duas temáticas que atualmente estão sendo investigadas pelo Departamento de História da Arquitetura da FAU/USP, a da história social da tecnologia do concreto em São Paulo, desenvolvida pela orientadora deste trabalho Profª Drª Maria Lucia Caira Gitahy, e a do significado histórico e arquitetônico da obra dos engenheiros-arquitetos formados pela Politécnica, e neste sentido contará com a colaboração da arquiteta e Profª Maria Lucia Bressan Pinheiro, que atualmente desenvolve tese de doutorado sobre a arquitetura moderna paulista. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.