Busca avançada
Ano de início
Entree

Conservação pós-colheita de jabuticabas empregando-se embalagem, irradiação e cera em associação ao armazenamento refrigerado

Processo: 01/00558-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2001
Vigência (Término): 30 de junho de 2002
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Ciência de Alimentos
Pesquisador responsável:Maria Amalia Brunini
Beneficiário:Cleyton Alberto Ramos Salandini
Instituição-sede: Faculdade Dr Francisco Maeda (FAFRAM). Fundação Educacional de Ituverava (FE). Ituverava , SP, Brasil
Assunto(s):Jabuticaba   Armazenagem de alimentos   Embalagens de alimentos

Resumo

Apesar da crescente evolução tecnológica porque têm passado o setor produtivo, a conservação de frutas ainda não tem recebido a devida atenção, o que muitas vezes compromete o abastecimento interno, o custo final do produto e, consequentemente altera o seu valor comercial. Como o sucesso do armazenamento de jabuticabas e aumento de sua vida útil, com manutenção da qualidade, está baseado na redução de sua taxa de respiratória ou retardo do amadurecimento e prevenção de desordens como a perda de água e deterioração natural, o que se pode conseguir alterando-se o ambiente logo após a colheita pelo abaixamento de temperatura, uso de tratamentos protetores e de desinfeção, e embalagens, o objetivo deste estudo é: - caracterizar a jabuticaba sabará, cultivada nas regiões de Ribeirão Preto, visando determinar se o local de plantio interfere na sua composição físico-química (peso médio por fruto, umidade, acidez titulável, sólidos solúveis totais, 'ratio', carboidratos solúveis, coloração, respiração, aparência e análise sensorial: sabor, coloração, preferência). - o de estudar o efeito isolado ou combinado de irradiação, cera e embalagem em associação com baixa temperatura (12°C): na qualidade, respiração e vida útil de jabuticaba sabará, de modo que se possa estabelecer condições de armazenamento, transporte e comercialização visando regularização de abastecimento; estabilização de preços e diminuição das perdas pós-colheita num mercado que está cada vez mais se tomando promissor. (AU)