Busca avançada
Ano de início
Entree

Pressoes seletivas e o dimorfismo sexual em anuros: a influencia do investimento reprodutivo e dos padroes temporais de reproducao.

Processo: 09/50341-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2009
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Comportamento Animal
Pesquisador responsável:Cynthia Peralta de Almeida Prado
Beneficiário:Renato Christensen Nali
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Anura   Comportamento reprodutivo   Caracteres sexuais

Resumo

O dimorfismo sexual em tamanho (SSD - sexual size dimorfism) é um aspecto freqüentemente abordado e controverso em anfíbios. Em anuros, as fêmeas são maiores do que os machos em 90% das espécies. O SSD pode ser entendido como o resultado da diferença entre as pressões seletivas afetando o tamanho do macho, e as pressões seletivas afetando o tamanho da fêmea. A vantagem de os machos terem um tamanho corpóreo maior poderia estar relacionada à seleção sexual, onde há tanto disputas de machos pelas fêmeas quanto a escolha dos machos pelas mesmas. Já a vantagem de as fêmeas serem maiores poderia representar um aumento em fecundidade, conseqüentemente um maior investimento reprodutivo. A ocorrência de SSD entre as espécies é variável, assim como o grau de dimorfismo entre machos e fêmeas (diferença de tamanho entre os sexos). Neste estudo, propõe-se o levantamento, a partir de dados da literatura e de exame de exemplares em coleções científicas, da ocorrência de dimorfismo sexual em tamanho entre espécies de anuros. A influência do investimento reprodutivo e dos padrões temporais de reprodução sobre o SSD são os focos principais do trabalho. Análises estatísticas serão realizadas para verificar se, em espécies de maior porte, o dimorfismo sexual seria menos acentuado do que em espécies de menor porte, e também se o grau de dimorfismo sexual em tamanho relaciona-se ao padrão ou período reprodutivo das espécies estudadas. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
NALI, RENATO C.; ZAMUDIO, KELLY R.; HADDAD, CELIO F. B.; PRADO, CYNTHIA P. A. Size-Dependent Selective Mechanisms on Males and Females and the Evolution of Sexual Size Dimorphism in Frogs. American Naturalist, v. 184, n. 6, p. 727-740, DEC 2014. Citações Web of Science: 24.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.