Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicacao de um modelo atualistico na caracterizacao deposicional da porcao n-n2 da bacia bauru (cretaceo): comparacao com os sistemas de leques aluviais e playa-lakes da pre-cordilheira argentina (holoceno).

Processo: 04/13387-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2005
Vigência (Término): 31 de março de 2007
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geologia
Pesquisador responsável:Giorgio Basilici
Beneficiário:Alessandro Batezelli
Instituição-sede: Instituto de Geociências (IG). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Bacia Bauru

Resumo

A porção N e NW da Bacia Bauru é constituída por arenitos, argilitos e conglomerados, formados em um sistema deposicional leque aluvial e lacustre (formações Adamantina e Marília). Embora existem vários trabalhos sobre as unidades que compõem o Grupo Bauru, muitas questões ainda carecem de resposta, principalmente as referentes aos mecanismos de sedimentação e arquitetura deposicional. Os objetivos do presente projeto consistem na documentação e identificação dos principais mecanismos de sedimentação que atuaram na porção norte e noroeste da Bacia Bauru. Dessa forma, buscar-se-á entender as arquiteturas deposicionais das unidades dessa unidade e elaborar modelos de evolução seqüencial em diferentes escalas. Pretende-se atingir estes objetivos usando como elemento de comparação os depósitos de leques aluviais - playa lake da Pré- Cordilheira Argentina (Holoceno), baseando-se na aplicação direita do princípio do Atualismo. A aplicação direta de modelos pegos dum sistema análogo subatual, é algo de não consueto no panorama da pesquisa cientifica brasileira. O que faz este projeto constitui um Os dados coligidos e trabalhados fornecerão subsídios para estudos aplicados a explotação de água subterrânea, planejamento urbano e ambiental. (AU)