Busca avançada
Ano de início
Entree

Atividade fotodinâmica de ftalocianinas funcionalizadas com ALA

Processo: 09/01524-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2009
Vigência (Término): 31 de maio de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biofísica - Radiologia e Fotobiologia
Pesquisador responsável:Mauricio da Silva Baptista
Beneficiário:Christiane Pavani
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:05/51598-7 - Terapia fotodinâmica: aspectos físicos, bioquímicos e clínicos, AP.TEM
Assunto(s):Fotobiologia   Terapia fotodinâmica

Resumo

A terapia fotodinâmica (PDT) é uma modalidade terapêutica que vem sendo estudada para o tratamento de várias doenças, inclusive cânceres. A PDT baseia-se na utilização de uma molécula fotoativa (o fotossensibilizador - FS) que é iluminada com luz em comprimento de onda adequado, na presença de oxigênio, desencadeando uma série de eventos que culminam com a destruição tumoral. Atualmente, tem se buscado entender os mecanismos envolvidos na PDT de tal forma que FSs mais efetivos possam ser desenvolvidos. Uma das possibilidades é desenvolver estratégias para obtenção de FSs com maior eficiência e seletividade ao tecido tumoral e à determinados compartimentos celulares, como a mitocôndria. Neste sentido, o estudo de novos FSs, bem como o estabelecimento de relações entre estrutura, localização e atividade dos compostos se torna extremamente importante.Várias moléculas têm sido estudadas como fotossensibilizadores para uso em PDT: ácido 5-aminolevulínico (ALA) e seus ésteres, fenotiazínicos, porfirinas, clorinas, ftalocianinas. Embora todas essas moléculas sejam eficientes geradores de oxigênio singlete, existem diferenças sutis entre o mecanismo de ação destes fármacos. Tem sido mostrado que estas diferenças nos mecanismos de ação tornam certas moléculas especialmente aptas para tratar certos tipos de condições patológicas em detrimento de outras. Uma questão que se coloca é se a utilização simultânea de FSs que atuam por mecanismos diferentes pode trazer um ganho de eficiência, justificando o desenvolvimento de novos FSs aprimorados.Neste projeto, pretende-se estudar o efeito da inserção de moléculas de ALA em moléculas de ftalocianina por ligação covalente. Avaliaremos as interações destes novos FSs com membranas (sintéticas e biológicas), a atividade fotodinâmica, citolocalização e o possível efeito sinérgico dessa associação de FSs. A possibilidade de acumulação da PPIX, formada a partir do ALA, e da ftalocianina em diferentes sítios celulares pode ser um dos fatores que levariam a um efeito sinérgico. O objetivo do trabalho é estabelecer relações entre as estruturas dos FSs, sua localização celular, atividade e mecanismo de morte celular, avaliando a existência de efeito sinérgico no uso de ftalocianinas substituídas com ALA.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PAVANI, CHRISTIANE; FRANCISCO, CLAUDIA M. L.; GOBO, NICHOLAS R. S.; DE OLIVEIRA, KLEBER T.; BAPTISTA, MAURICIO S. Improved photodynamic activity of a dual phthalocyanine-ALA photosensitiser. NEW JOURNAL OF CHEMISTRY, v. 40, n. 11, p. 9666-9671, 2016. Citações Web of Science: 8.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.

Patente(s) depositada(s) como resultado deste projeto de pesquisa

MÉTODO DE OBTENÇÃO DE DERIVADOS PORFIRÍNICOS, COMPOSTOS CLORÍNICOS, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA E SEUS USOS EM TERAPIA FOTODINÂMICA PI1100371-5 - Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) ; Universidade de São Paulo (USP) . Mauricio da Silva Baptista; Osvaldo Antonio Serra; Yassuko Iamamoto; Adjaci Uchoa Fernandes; Kleber Thiago De Oliveira - 11 de fevereiro de 2011