Busca avançada
Ano de início
Entree

Quando falha o controle: escravos que matam senhores, campinas, 1870.

Processo: 05/53119-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2005
Vigência (Término): 31 de julho de 2006
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História - História do Brasil
Pesquisador responsável:Robert Wayne Andrew Slenes
Beneficiário:Maíra Chinelatto Alves
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Escravidão   História do Brasil Império

Resumo

Este projeto visa estudar casos em que escravos matam seus senhores na década de 1870, em Campinas. O objetivo é observar como funcionavam ou não os meios de controle senhoriais, nos quais estão inclusos tanto a força como outros tipos de incentivos positivos. Teoricamente, a possibilidade de ascender dentro da escravidão através de trabalhos especializados ou de conseguir a liberdade, além da obtenção de roças e da formação de família, deveria garantir que os escravos permanecessem dentro da disciplina exigida pelo sistema; no entanto isso não acontecia nesses casos de assassinatos. Através do cruzamento de informações entre os processos criminais em que esses escravos foram réus e os inventários gerados pela morte do senhor (além da outras séries documentais, como registros de batismo e casamento e listas de matrículas de escravos), pretendo reconstruir detalhadamente as biografias dessas propriedades, para entender quais as circunstâncias em que tal ação radical ocorreu. (AU)