Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência da proporção plasma rico em plaquetas/enxerto ósseo autógeno no reparo ósseo de defeitos de tamanho crítico em calvárias de ratos: estudo histológico e histométrico

Processo: 06/58093-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2006
Vigência (Término): 30 de novembro de 2007
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Periodontia
Pesquisador responsável:Maria José Hitomi Nagata
Beneficiário:Natália Marcumini Pola
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Assunto(s):Enxerto ósseo   Plasma rico em plaquetas   Regeneração óssea   Fatores de crescimento

Resumo

A associação de Plasma Rico em Plaquetas (PRP) com enxertos de osso autógeno para o tratamento de defeitos ósseos extensos tem apresentado resultados controversos. Recentemente, um modelo in vitro sugeriu que a inconsistência desses resultados pode ser devido ao uso de variados volumes de PRP. Portanto, o propósito deste trabalho é avaliar, histomorfometricamente, a influência de diferentes proporções de PRP e enxerto de osso autógeno particulado no reparo ósseo de defeitos de tamanho crítico (DTC), criados cirurgicamente em calvárias de ratos. Serão utilizados 50 ratos, divididos em 5 grupos: grupo C (controle), grupo OA (osso autógeno), grupo OA + PRP-50, grupo OA + PRP-100, grupo OA + PRP-150. Um DTC de 5 mm de diâmetro será preparado na calvária dos animais. No grupo C, o defeito será preenchido somente com coágulo sangüíneo. No grupo OA, o defeito será preenchido com enxerto ósseo autógeno particulado. Nos grupos OA + PRP (50,100 e 150), os defeitos serão preenchidos com enxertos de osso autógeno particulado associados com 50, 100 ou 150 μl de PRP, respectivamente. Todos os animais serão submetidos à eutanásia aos 30 dias pós-operatórios. Os sítios dos defeitos serão removidos e processados laboratorialmente. Serão realizados cortes seriados longitudinais de 6 micrometros de espessura, os quais serão corados pelas técnicas da Hematoxilina e Eosina e Tricrômico de Masson para realização das análises histológica e histométrica. Os dados obtidos serão submetidos à análise estatística. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
NAGATA, MARIA J.; MESSORA, MICHEL; POLA, NATALIA; CAMPOS, NATALIA; VIEIRA, RAFAEL; ESPER, LUIS A.; SBRANA, MICHYELE; FUCINI, STEPHEN; GARCIA, VALDIR; BOSCO, ALVARO. Influence of the Ratio of Particulate Autogenous Bone Graft/Platelet-Rich Plasma on Bone Healing in Critical-Size Defects: A Histologic and Histometric Study in Rat Calvaria. JOURNAL OF ORTHOPAEDIC RESEARCH, v. 28, n. 4, p. 468-473, APR 2010. Citações Web of Science: 22.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.