Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do extrato de Bauhinia forficata link e de seu componente beta-sitosterol, sobre alterações morfométricas, nutricionais, metabolismo basal, lipídicas, estresse oxidativo sérico, cardíaco e..

Processo: 07/57808-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2008
Vigência (Término): 31 de maio de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia
Pesquisador responsável:Ethel Lourenzi Barbosa Novelli
Beneficiário:Cristiano Machado Galhardi
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Estresse oxidativo   Dislipidemias   Síndrome metabólica   Medicamentos fitoterápicos   Metabolismo energético

Resumo

O presente projeto visa dar continuidade a linha de pesquisa desenvolvida durante o mestrado e doutorado, onde foi observado o âmbito de mecanismos de toxicidade envolvendo radicais livres, formação de lipoperóxidos e lesões teciduais. Objetiva-se a identificação de terapia, visando o equilíbrio bioquímico e a recuperação funcional dos órgãos lesados. A incidência de obesidade tem aumentado na maioria das populações, podendo estar associada a inúmeras alterações sistêmicas incluindo hepatopatias. Síndrome metabólica e elevada ingestão alimentar estão associados ao estresse oxidativo e alterações em enzimas antioxidantes. No presente trabalho serão estudados os efeitos da elevada ingestão de sacarose sobre parâmetros bioquímicos, metabolismo basal, nutricionais e marcadores do estresse oxidativo em ratos. Também serão determinados os efeitos da administração de extrato de Bauhinia forficata Link e de seu principio ativo ß-sitosterol, no tratamento de danos induzidos pela inadequada ingestão alimentar, bem como no estresse oxidativo associado a estas condições patológicas, visando também o uso clinico na redução de dislipidemias e no tratamento das alterações cardíacas que são freqüentes na obesidade. (AU)