Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação in vitro da resistência ao cisalhamento do cimento de ionômero de vidro à dentina irradiada com laser Er:YAG: influência da degradação da interface adesiva

Processo: 07/02969-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2007
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2008
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Silmara Aparecida Milori Corona
Beneficiário:Daniela Segura da Motta
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Dentística   Dentina   Cimentos de ionômeros de vidro   Resistência ao cisalhamento   Modelos animais

Resumo

Este estudo tem por objetivo avaliar in vitro a resistência ao cisalhamento de um cimento de ionômero de vidro à dentina irradiada com laser Er:YAG, após degradação da interface adesiva por meio de termociclagem e armazenamento em água. Quinze incisivos bovinos serão selecionados, limpos e terão suas raízes removidas. Cada coroa será seccionada no sentido mésio-distal e cérvico-incisal, resultando em 4 fragmentos por dente, totalizando 60 amostras. Os fragmentos serão individualmente embebidos em resina acrílica auto-polimerizável com as faces vestibulares de esmalte voltadas para o lado externo. Após a polimerização da resina acrílica, as amostras serão levadas a uma politriz para exposição da dentina superficial. Serão empregadas lixas d’água em ordem decrescente de granulação (#320 a #600). Um polimento adicional será realizado com a lixa d’água #1200, durante 30 segundos, para padronizar a smear layer. As superfícies dos espécimes receberão uma área padronizada de 3 mm de diâmetro e serão, posteriormente, divididas aleatoriamente em dois grupos de acordo com o método utilizado para preparo cavitário: I- laser Er:YAG e II - broca carbide. Feito isso, as amostras serão fixadas em um dispositivo metálico em que cilindros de cimento de ionômero de vidro convencional (Ketac Molar Easymix) serão confeccionados. Os corpos-de-prova restaurados serão subdivididos aleatoriamente de acordo com o período de armazenamento em água (AA) e números de ciclos térmicos (TC) utilizados para simular a degradação a interface adesiva (n=15): A - 24 horas AA/ sem TC (baseline) e B -6 meses de AA/ 12.000 TC. Em seguida corpos-de-prova serão submetidos ao teste de resistência ao cisalhamento. Os dados obtidos serão analisados quanto a sua distribuição para escolha do método estatístico mais adequado.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
COLUCCI, VIVIAN; DE ARAUIJO LOIOLA, ANA BARBARA; DA MOTTA, DANIELA SEGURA; BOTELHO DO AMARAL, FLAVIA LUCISANO; PECORA, JESUS DJALMA; MILORI CORONA, SILMARA APARECIDA. Influence of Long-term Water Storage and Thermocycling on Shear Bond Strength of Glass-ionomer Cement to Er:YAG Laser-prepared Dentin. Journal of Adhesive Dentistry, v. 16, n. 1, p. 35-39, 2014. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.