Busca avançada
Ano de início
Entree

Resistência adesiva da resina composta a dentina: influência da variação da distância focal do laser Er:YAG

Processo: 00/11670-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2000
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2002
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia
Pesquisador responsável:Silmara Aparecida Milori Corona
Beneficiário:Juliana Abdallah Atoui
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Amálgama dentário   Cimentos de ionômeros de vidro   Microinfiltração marginal   Resinas compostas   Laser

Resumo

O objetivo do presente estudo é analisar quantitativamente "in vitro" a microinfiltração marginal de restaurações de cavidades de classe V com amálgama, utilizando-se diferentes sistemas ionoméricos como material intermediário. Serão realizados 40 preparos cavitários em pré-molares, divididos em quatro grupos: grupo I, controle, será aplicado verniz cavitário (Cavitine); grupo II, aplicação do Vidrion F; grupo III, Vitremer de cimentação, e grupo IV, Protec CEM. O preparo cavitário será realizado por meio da utilização do "Aparelho de Perfuração", proposto por Sá e Gabrielli. Após a realização das restaurações, utilizando-se a liga Dispersalloy, os dentes serão armazenados durante 24 horas, em estufa a 37°C, para receberem o acabamento e polimento. Em seguida, os mesmos serão selados, submetidos a termociclagem por 500 ciclos e imersos, em Rodamiria B a 0,2%, durante 24 horas. Os dentes serão lavados, seccionados e analisados. A análise da microinfiltração marginal será realizada por meio de um sistema de imagem digitalizada, composto por um microscópio (Carl Zeiss-Jena), acoplado a um microcomputador, será utilizado o programa KS300 v2.0. (AU)