Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da extração do bagaço de cana-de-açúcar previamente a hidrólise para a utilização do hidrolisado hemicelulósico em processos fermentativos

Processo: 07/58280-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2008
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:João Batista de Almeida e Silva
Beneficiário:Laura Danne Fernandes de Oliveira Barbosa
Instituição-sede: Escola de Engenharia de Lorena (EEL). Universidade de São Paulo (USP). Lorena , SP, Brasil
Assunto(s):Xilose   Xilitol   Etanol   Bagaço de cana-de-açúcar   Hidrolisado hemicelulósico   Fermentação

Resumo

Este trabalho tem por objetivo contribuir para o desenvolvimento de uma tecnologia de aproveitamento da fração hemicelulósica do bagaço de cana-de-açúcar para a produção de etanol e xilitol, enfocando as etapas de extrações do bagaço de cana previamente a hidrólise e as análises da composição química e da fermentabilidade dos hidrolisados obtidos. Primeiramente, o efeito da extração prévia do bagaço de cana-de-açúcar com stand 95% ou com mistura de ciclohexano/etanol (2:1) em aparelho SoXhlet será avaliado. As composições químicas dos bagaços extraídos serão analisadas e comparadas à composição química do bagaço de cana não extraído. Em uma segunda etapa, tanto o bagaço não extraído quanto os bagaços extra/dos serão hidrolisados em êmbolos de 200 mL a 150ºC por 28 min, com relação sólido-líquido de 1:10 e 2% de ácido sulfúrico (condições definidas em trabalhos anteriores). Os hidrolisados hemicelulósicos obtidos serão avaliados quanto à composição química e fermentabilidade. A torta restante (fração celo-lignina) também será avaliada quanto à sua composição. Para análise das composições químicas, serão determinadas as concentrações de celobiose, ácido glucurônico, glicose, xilose, arabinose, ácido acético, hidroximetilfurfural, furfural e fenóis totais, presentes nos hidrolisados e nas tortas obtidas. Quanto à fermentabilidade, os hidrolisados hemicelulósicos provenientes dos bagaços de cana extraídos e não extraído serão utilizados como meio de fermentação para a conversão dos açúcares presentes em etanol, com a levedura Pichia stipitis e em xilitol, com a levedura Candida guilliermondii. (AU)