Busca avançada
Ano de início
Entree

Clonagem e expressão de proteínas da família das lipocalinas presentes em glândulas salivares do inseto Triatoma infestans

Processo: 03/02690-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2003
Vigência (Término): 09 de janeiro de 2004
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica
Pesquisador responsável:Aparecida Sadae Tanaka
Beneficiário:Daniela Doria de Oliveira Santos
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Insetos   Lipocalinas   Anticoagulantes

Resumo

Os artrópodes hematófagos desenvolveram ao longo da sua evolução inúmeros agentes anti-hemostáticos, visto a sua necessidade vital de interferir nos mecanismos que regulam a coagulação sangüínea, agregação plaquetária e fibrinólise dos seus hospedeiros. Uma variedade de substâncias extraídas de hematófagos que interferem na hemostasia normal tem sido descritas como: anticoagulantes, anti-agregação. plaquetárias, anti-fibrinolíticos e vasodilatadores. Recentemente, o nosso grupo descreveu um inibidor de trombina presente em estômago de T. infestans, a infestina. Outras moléculas anti-hemostáticas também já foram descritas como: um inibidor de agregação plaquetária induzida por colágeno, a palidipina, presente em glândulas salivares do T. pallidipennis e um potente inibidor de trombina que atua através da ligação ao sítio de fibrinogênio, a triabina. Estas moléculas compõem uma nova família de proteínas conhecida como lipocalinas, na qual estão incluídos vários componentes ativos da saliva de hematófagos. Lipocalina e uma família caracterizada por agrupar proteínas com estruturas características, com baixa similaridade na estrutura primária e diferenças de função. Um mecanismo comum de ação das lipocalinas presentes na saliva tem sido a remoção de pequenos agonistas de receptores de membrana da região de alimentação. Este projeto tem como objetivo geral conhecer algumas das lipocalinas da glândula salivar desta espécie de barbeiro. (AU)