Busca avançada
Ano de início
Entree

Implantes porosos de titânio e tratamento biomimético: efeitos na expressão gênica de osteoblastos derivados osso alveolar humano

Processo: 10/02778-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2010
Vigência (Término): 31 de outubro de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia
Pesquisador responsável:Carlos Alberto Alves Cairo
Beneficiário:Renata Falchete Do Prado
Instituição-sede: Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE). Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA). Ministério da Defesa (Brasil). São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Biomateriais   Próteses e implantes   Ósseointegração   Titânio   Expressão gênica   Implantodontia

Resumo

A osseointegração decorre da interação célula-biomaterial. O titânio é um dos principais biomateriais, para implantação em tecido ósseo, utilizados nas áreas médico-odontológicas. Diferentes formas de topografia do implante têm sido estudadas para melhorar a osseointegração. Além disso, superfícies biomiméticas, que incorporam propriedades bioadesivas à matriz extracelular, são promissoras para modificação de superfícies de biomateriais. Objetiva-se investigar o comportamento de células osteoblásticas humanas e a osteogênese, in vitro, sobre espécimes de titânio poroso com diferentes porosidades, com e sem tratamento biomimético, comparando-o com titânio denso. Para tanto serão confeccionados discos de titânio puro grau II, divididos em seis grupos: Grupo 1 - controle: amostra de titânio denso; Grupo 2 - 30% de poros com diâmetro de 300um; Grupo 3 - 40% de poros com diâmetro de 300um; Grupo 4, 5 e 6 amostras confeccionadas como as dos grupos 1, 2 e 3, com tratamento biomimético. Serão feitas análise metalográfica, espectroscopia Raman, EDS (Espectroscopia de Energia Dispersiva) das amostras. In vitro, dos procedimentos avaliados em triplicatas, serão obtidos dados quanto à adesão, morfologia e viabilidade celular, conteúdo de proteína total, atividade de fosfatase alcalina, quantidade de formações nodulares de matriz e expressão gênica por RT-PCR (real time-polimerase chain reaction) dos seguintes genes: fosfatase alcalina, prostaglandina E2, integrina ²1, colágeno 1, osteocalcina, osteopontina, osteonectina, sialoproteína óssea, TGF-², osterix, Runx2, Interleucina 6, fator estimulador de colônias de macrófagos - MCS-F e apolipoproteína E. Os dados serão avaliados por testes estatísticos com ANOVA, teste de comparação múltipla de Tukey, Teste t de Student e teste de Kruskal Wallis, todos com nível de significância 5%.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DO PRADO, RENATA FALCHETE; RABELO, SYLVIA BICALHO; DE ANDRADE, DENNIA PEREZ; NASCIMENTO, RODRIGO DIAS; RODRIGUES HENRIQUES, VINICIUS ANDRE; CARVALHO, YASMIN RODARTE; ALVES CAIRO, CARLOS ALBERTO; REIS DE VASCONCELLOS, LUANA MAROTTA. Porous titanium and Ti-35Nb alloy: effects on gene expression of osteoblastic cells derived from human alveolar bone. JOURNAL OF MATERIALS SCIENCE-MATERIALS IN MEDICINE, v. 26, n. 11 NOV 2015. Citações Web of Science: 6.
DO PRADO, RENATA FALCHETE; DE OLIVEIRA, FEMANDA SARAIVA; NASCIMENTO, RODRIGO DIAS; REIS DE VASCONCELLOS, LUANA MAROTTA; CARVALHO, YASMIN RODARTE; ALVES CAIRO, CARLOS ALBERTO. Osteoblast response to porous titanium and biomimetic surface: In vitro analysis. Materials Science & Engineering C-Materials for Biological Applications, v. 52, p. 194-203, JUL 1 2015. Citações Web of Science: 16.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.