Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliacao da densidade neuronal e formacao de colaterais aberrantes de fibras musgosas no hipocampo de pacientes com epilepsia do lobo temporal mesial classificados de acordo com a escala de...

Processo: 07/59827-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2008
Vigência (Término): 31 de março de 2009
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:João Pereira Leite
Beneficiário:Juliana Silva de Almeida
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Qi

Resumo

A epilepsia do lobo temporal mesial é caracterizada por uma lesão epileptogenica, por uma potencial resistência a drogas, e pode aparecer associada a distúrbios de inteligência, conquistas acadêmicas, linguagem e funções visuo-espaciais. A Investigação da epilepsia e o tratamento são realizados por equipes especializadas. Durante a investigação da doença, os pacientes passam pela avaliação neuropsicológica e análise de nível de QI. Para avaliar o nível de QI dos pacientes, é usado a escala Wechsler de inteligência que permite realizar a avaliação do desempenho intelectual na Investigação neuropsicológica de pacientes com epilepsia. Tentaremos esclarecer se os níveis de QI estão relacionados a tipos específicos de crises, ou se um QI maior ou menor pode ter relação com caracteres típicos da ELTM, como perda neuronal e brotamento axonal aberrante. Além disso, analisaremos se a duração da epilepsia afeta o QI, e verificar o padrão de distribuição de QI em pacientes com ELTM entre 1996 e 2006. (AU)