Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do consumo de ácidos graxos ômega 3 e fitosteróis sobre o estresse oxidativo e a gênese da aterosclerose em camundongos knockout para LDLR - parte I

Processo: 10/08225-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2010
Vigência (Término): 31 de julho de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição - Bioquímica da Nutrição
Pesquisador responsável:Inar Alves de Castro
Beneficiário:Karina da Rocha Mariano
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Camundongos   Nutrição animal   Alimentos funcionais   Dieta animal   Doenças cardiovasculares

Resumo

As doenças cardiovasculares (DCV) são as principais causas de morbimortalidade nas nações industrializadas e em desenvolvimento, ocorrendo predominantemente em adultos e idosos. Entretanto, a aterosclerose, o principal processo patológico que leva a doença arterial coronariana e a doença cerebral vascular, inicia-se na infância, progredindo gradualmente na adolescência e juventude. Considerando-se o aspecto preventivo, nota-se a importância de se desenvolver intervenções que visem a redução do processo inflamatório e oxidativo já na infância reduzindo, assim, o risco de complicações futuras. Diferentes compostos bioativos tem sido aplicados na formulação de alimentos funcionais para a redução do risco de DCV, destacando-se entre eles os ácidos graxos ômega 3, fitosteróis e a proteína de soja. Desta forma, o objetivo deste trabalho será de avaliar o potencial de sinergismo de uma mistura contendo ácidos graxos ômega 3 e fitosteróis na redução de fatores de risco para aterosclerose, e aplicar essa mistura no desenvolvimento de um alimento destinado ao público infantil. O estudo consistirá em 3 etapas: na primeira fase será definida a fonte de ácidos graxos ômega 3 a partir de um ensaio in vivo com camundongos geneticamente modificados. Três fontes alternativas serão avaliadas: óleo de peixe contendo ácido eicosapentaenóico (EPA) e docosahexaenóico (DHA), óleo de alga contendo EPA e DHA e óleo contendo ácido estearidônico (SDA). Definida a fonte de ômega 3, a segunda etapa consistirá na avaliação do potencial de sinergismo entre os dois compostos bioativos (ômega 3 e fitosteróis) na redução de biomarcadores inflamatórios, estresse oxidativo e perfil lipídico. Camundongos recém-desmamados serão suplementados com os compostos bioativos até tornarem-se adultos. O estresse oxidativo será induzido nesse momento e o efeito anti-aterogênico desses compostos será avaliado entre os grupos suplementado e placebo. Na terceira e última etapa será desenvolvido um alimento funcional contendo os compostos bioativos e sua estabilidade físico-química, sensorial e microbiológica será avaliada durante o shelf-life. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BOTELHO, PATRICIA BORGES; GUIMARAES, JESSICA PEREIRA; MARIANO, KARINA ROCHA; AFONSO, MILESSA DA SILVA; KOIKE, MARCIA KIYOMI; PITA LOTTENBERG, ANA MARIA; CASTRO, INAR ALVES. Effect of echium oil combined with phytosterols on biomarkers of atherosclerosis in LDLr-knockout mice: Echium oil is a potential alternative to marine oils for use in functional foods. EUROPEAN JOURNAL OF LIPID SCIENCE AND TECHNOLOGY, v. 117, n. 10, p. 1561-1568, OCT 2015. Citações Web of Science: 4.
BOTELHO, PATRICIA BORGES; MARIANO, KARINA DA ROCHA; ROGERO, MARCELO MACEDO; DE CASTRO, INAR ALVES. Effect of Echium oil compared with marine oils on lipid profile and inhibition of hepatic steatosis in LDLr knockout mice. LIPIDS IN HEALTH AND DISEASE, v. 12, MAR 19 2013. Citações Web of Science: 8.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.