Busca avançada
Ano de início
Entree

Monitoramento de ácaros virulíferos em pomares de agricultura orgânica x convencional

Processo: 10/07365-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2010
Vigência (Término): 31 de maio de 2011
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Valdenice Moreira Novelli
Beneficiário:Marcela Pagoti Bergamini Lopes
Instituição-sede: Centro de Ciências Agrárias (CCA). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Araras , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:08/52691-9 - Manejo da leprose dos citros, AP.TEM
Assunto(s):Diagnóstico de doenças em plantas   Leprose   Citrus   Ácaros parasitos de plantas

Resumo

A leprose dos citros, doença causada pelo CiLV-C (Citrus leprosis virus, cytoplasmic type), e transmitida por ácaros Brevipalpus spp., compromete o orçamento citrícola em milhões de dólares para o controle de seu vetor. Ao adquirir o CiLV-C, o ácaro se torna virulífero por toda a sua vida, elevando as possibilidades de surtos da doença. Entretanto, a presença do ácaro não resulta necessariamente no aumento da doença, pois eles podem estar avirulíferos (sem o vírus). O desenvolvimento de um método molecular confiável e sensível para a diagnose da leprose, com base no genoma do CiLV-C, trouxe a perspectiva de realizar a detecção do vírus no vetor, antes mesmo do aparecimento dos sintomas nas plantas no campo. Dados prévios de nosso grupo de pesquisa permitiram detectar a presença do vírus em amostras de laboratório contendo quantidades diferentes de ácaros, sendo padronizado o número médio de dez ácaros para resultados confiáveis. Porém, faz-se necessário aprimorar e validar esta metodologia para as amostras vindas do campo. Neste trabalho serão feitas amostragens de ácaros em pomares de cultivos orgânico e convencional, visando monitorar a presença do CiLV-C antes mesmo do aparecimento dos sintomas em campo. Considerando que resultados preliminares sugeriram ser possível a detecção precoce do vírus em populações de Brevipalpus spp., espera-se com este trabalho contribuir para um manejo racional da leprose nos pomares, com implicações importantes na redução do ônus econômico e ambiental. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.