Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da redução de colesterol no comportamento agonístico de tilápia-do-Nilo.

Processo: 09/05372-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2009
Vigência (Término): 31 de outubro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Comportamento Animal
Pesquisador responsável:Percilia Cardoso Giaquinto
Beneficiário:Ariane Aguiar
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Peixes   Comportamento agressivo   Inibidores de hidroximetilglutaril-CoA redutases

Resumo

Estudos epidemiológicos relacionam redução do colesterol plasmático ao aumento da mortalidade resultante de suicídio, violência, depressão e acidentes. A associação negativa entre baixos níveis de colesterol plasmático e comportamento agressivo levou Kaplan (1994) a propor uma hipótese de agressão colesterol-serotonina. De acordo com esta hipótese, baixos níveis de colesterol levam a depressão central da atividade serotonérgica, que por sua vez tem sido reportada em estudos de indivíduos violentos. Neste estudo investigaremos a relação entre baixos níveis de colesterol plasmático e comportamento social agonístico. Para tanto, indivíduos juvenis de tilápia-do-Nilo (espécie notoriamente territorialista e agressiva) serão submetidos à ação de estatina (inibidor da ação da HMG-CoA redutase, enzima fundamental na formação do colesterol) e seus comportamentos agonísticos analisados.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
AGUIAR, ARIANE; GIAQUINTO, PERCILIA CARDOSO. Low cholesterol is not always good: low cholesterol levels are associated with decreased serotonin and increased aggression in fish. BIOLOGY OPEN, v. 7, n. 12 DEC 2018. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.