Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliacao da situacao nutricional e de crescimento de criancas participantes de um programa de atencao precoce a saude.

Processo: 06/03710-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2007
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2008
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Medicina Preventiva
Pesquisador responsável:Rosana de Fátima Possobon
Beneficiário:Tatiane Scontre Fontes
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Alimentação infantil   Saúde bucal   Desenvolvimento humano   Desenvolvimento infantil

Resumo

O crescimento é determinado pelo potencial genético e pelo ambiente, sendo fortemente dependente das condições de nutrição e morbidade; assim a partir de três medidas básicas (idade, peso e estatura) obtêm-se índices antropométricos (peso/idade, altura/idade, peso/altura), que são sensíveis para avaliação de déficit, estado nutricional e condições de vida de grupos populacionais. O objetivo deste estudo é avaliar o estado nutricional da população atendida num programa de prevenção multidisciplinar (Centro de Pesquisa e Atendimento odontológico para Pacientes Especiais - Cepae), com o intuito de avaliar a prevalência de eutrofia, desnutrição, sobrepeso e obesidade. Através dessa avaliação poderão ser identificadas necessidades de ações específicas e diferenciadas, de nutrição e saúde, gerando um protocolo de monitoramento rotineiro do crescimento. Serão avaliadas as 600 crianças participantes do programa, caracterizando um estudo transversal, seguido de um caso-controle, quando se aplicará um questionário específico para avaliação de fatores de risco para estado nutricional, comparando as crianças eutróficas com as com sobrepeso, obesas e desnutridas. Os indicadores do estado nutricional serão peso/idade (P/I), estatura/idade (E/I) e peso/estatura (P/E), sendo desnutridas as com P/E e E/I menor que –2 z-escore; sobrepeso quando “percentil” entre 85 e 95; e obesas, “percentil” igual ou maior que 95 ou z-escore maior que + 2, quando comparadas com a população do NCHS. A análise dos dados será realizada no programa Epi Info 3.2.3, considerado-se um nível de significância de 5%, sendo utilizado o Teste do Qui-Quadrado, Exato de Fischer e teste das proporções para as variáveis qualitativas, e o Teste t de Student e Teste de Mann-Whitney (quando não for possível o teste t) para as variáveis quantitativas.