Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da desnutrição proteica precoce no modelo de memória social em ratos adultos

Processo: 00/05271-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2000
Vigência (Término): 31 de agosto de 2001
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Psicologia Experimental
Pesquisador responsável:Sebastião de Sousa Almeida
Beneficiário:Viviane Consiglio da Silva
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:95/09501-2 - Atividade exploratória, ansiedade, aprendizagem e memória em animais desnutridos: uma análise comportamental e farmacológica, AP.JP
Assunto(s):Desnutrição proteica   Memória social   Comportamento social   Modelos animais

Resumo

O presente projeto faz parte de um de um conjunto de projetos aprovados pela FAPESP no Programa Jovens Pesquisadores em Centros Emergentes (proc. 95/9501-2). Animais serão submetidos ao procedimento de desnutrição proteica no início da vida (0-49 dias de idade) e serão estudados na vida adulta (100 dias de idade) após um período de recuperação nutricional (50 a 100 dias de idade). O objetivo da investigação será avaliar os efeitos da desnutrição proteica precoce no comportamento de memória social. O procedimento dos testes consistirá em introduzir um rato adulto e um jovem em uma arena aberta. Cada encontro durará 420s, sendo, depois, os animais removidos e abrigados individualmente na sala experimental para evitar o estresse do transporte. No Experimento 1, após um intervalo de 30 minutos, os ratos são novamente introduzidos na arena de teste. A duração do contato social (definido como investigação, ato de cheirar, ou inspecionar a região anogenital) será gravada em ambos os encontros. No Experimento 2, o procedimento será o mesmo, porém o intervalo entre os dois encontros será de 15 minutos. Uma redução no tempo de investigação social em encontros subsequentes e considerada um índice de memória social. As fitas de vídeo, que serão gravadas durante as sessões experimentais, serão analisadas por dois experimentadores cegos em relação à condição nutricional dos animais para que seja possível um teste de concordância entre os observadores. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.