Busca avançada
Ano de início
Entree

A fauna de fitoseídeos (Acari: Phytoseiidae) do outro lado de Gonduana comparada à fauna brasileira

Processo: 04/10123-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2005
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2007
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Gilberto José de Moraes
Beneficiário:Ignace Dossa Zannou
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Phytoseiidae   Ácaros   Zoologia (classificação)   Biogeografia   Controle biológico

Resumo

Phytoseiidae são os únicos ácaros Mesostigmata que vivem principalmente sobre plantas. Vários fitoseídeos são predadores importantes de ácaros pragas, sendo comercialmente utilizados para seu controle. Como se comparam as faunas destes ácaros em distintas regiões do antigo supercontinente "Gonduana"? Estes ácaros são razoavelmente conhecidos na América do Sul, índia e Austrália, mas são pouco conhecidos na África tropical. O objetivo do presente projeto é complementar uma extensa base de dados sobre a variabilidade morfológica dos fitoseídeos na África ao sul do Saara, com base em uma coleção de mais de 800.000 exemplares deste grupo coletados naquele continente, permitindo assim uma comparação entre as faunas do Brasil e da África ao sul do Saara. O trabalho será realizado no Laboratório de Acarologia do Departamento de Entomologia, Fitopatologia e Zoologia Agrícola da ESALQ-USP, utilizando-se a base de dados relativa à literatura sobre taxonomia de fitoseídeos de todo o mundo disponível naquela instituição. Chaves taxonômicas serão elaboradas utilizando o programa "Lucid". O projeto permitirá a incorporação de uma grande coleção de espécimes adequadamente identificados às coleções de referência das instituições envolvidas. Os resultados representarão uma contribuição significativa em nível mundial à taxonomia destes ácaros, além de facilitar a identificação dos fitoseídeos que ocorrem no Brasil. (AU)