Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da deposicao e remocao de tortas de filtracao de gases, em filtros de tecido de polipropileno.

Processo: 06/57586-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2006
Vigência (Término): 31 de outubro de 2007
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Operações Industriais e Equipamentos para Engenharia Química
Pesquisador responsável:Mônica Lopes Aguiar
Beneficiário:Paulo Alves Paschoal
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil

Resumo

Com a existência de uma grande demanda de produtos na forma pulverulenta e a filtração de gases sendo um processo de recuperação destes, indústrias dos mais variados setores, buscam novos conhecimentos sobre os meios filtrantes. Assim, o objetivo deste trabalho é investigar o desempenho do meio filtrante de polipropileno, muito utilizado em filtros manga, em diversas condições experimentais de filtração. O conhecimento detalhado do comportamento desse meio filtrante, durante a filtração de gases, é muito importante para que se possa melhorar o desempenho desses filtros e a eficiência da filtração com menor custo. Para tal finalidade, serão realizados ensaios de filtração com 10 ciclos de filtração e limpeza. Variando a velocidade de filtração, a velocidade de limpeza e a perda de carga máxima em cada ciclo, totalizando 80 ciclos de filtração. Para remover a torta de filtração será utilizada a técnica de limpeza por fluxo de ar reverso. Como meio filtrante será usado o tecido de polipropileno da empresa GINO CACCIARI. O pó utilizado será o concentrado fosfático de Patos de Minas, cuja massa específica será obtida no picnômetro a hélio e o diâmetro volumétrico no Malvem Mastersizer. A análise microscópica da deposição e da remoção da torta de filtração será realizada utilizando-se o Método Direto desenvolvido por Coury e Aguiar (1995). A torta de filtração será embutida em uma resina, em seguida polida e esmerilada para só então ser analisada no microscópio óptico. O comportamento da remoção da torta será analisado por fotografias da torta de filtração, obtidas com uma câmara digital SONY P92, após a etapa de limpeza, e utilizando-se um programa analisador de imagens, o Image-Pro Plus, serão obtidas a eficiência de regeneração e o tamanho das áreas regeneradas do filtro de polipropileno. (AU)