Busca avançada
Ano de início
Entree

Importância relativa da reatividade glial e da expressão de MHC Classe I na manutenção de circuitos neuronais in vitro

Processo: 10/05370-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2010
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Citologia e Biologia Celular
Pesquisador responsável:Alexandre Leite Rodrigues de Oliveira
Beneficiário:Rafaela Chitarra Rodrigues Hell
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/50809-5 - Inflamação e resposta imune em obesidade, AP.TEM
Assunto(s):Cultura de células   RNA interferente pequeno   Astrócitos

Resumo

Os astrócitos tornam-se reativos após lesão do tecido nervoso seja por trauma ou doença. Paradoxalmente, essa resposta pode ser benéfica ou prejudicial à recuperação do Sistema Nervoso Central, o que depende de diferentes circunstâncias. No presente trabalho, investigaremos a possibilidade de manutenção dos efeitos pró-regenerativos de astrócitos cultivados in vitro, através da interferência de RNA (RNAi) para a proteína GFAP, bem como para a microglobulina beta-2. Associado a essa técnica, procederemos o tratamento de culturas e co-culturas (astrócitos e neurônios medulares) com uma citocina pró-inflamatória, o inteferon beta (IFN beta), recentemente demonstrado ser benéfico ao processo de regeneração nervosa. Adicionalmente, tendo-se em vista que o aumento da produção de alguns fatores neurotróficos resulta na melhora da sobrevivência neuronal, e também, atua sobre a plasticidade sináptica, investigaremos a expressão de BDNF e GDNF in vitro após silenciamento gênico e tratamento com IFN beta. Adicionalmente, será realizada imunocitoquímica com anticorpos que avaliarão a reatividade astrocitária (cabra anti-GFAP e coelho anti-S100 beta) e a quantidade de neurônios viáveis, bem como a densidade de sinapses funcionais (camundongo anti-NeuN e coelho anti-sinaptofisina, respectivamente).

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BOMBEIRO, ANDRE LUIS; RODRIGUES HELL, RAFAELA CHITARRA; SIMOES, GUSTAVO FERREIRA; DE CASTRO, MATEUS VIDIGAL; RODRIGUES DE OLIVEIRA, ALEXANDRE LEITE. Importance of major histocompatibility complex of class I (MHC-I) expression for astroglial reactivity and stability of neural circuits in vitro. Neuroscience Letters, v. 647, p. 97-103, APR 24 2017. Citações Web of Science: 2.
VICTORIO, SHEILA C. S.; CARTAROZZI, LUCIANA P.; HELL, RAFAELA C. R.; OLIVEIRA, ALEXANDRE L. R. Decreased MHC I expression in IFN gamma mutant mice alters synaptic elimination in the spinal cord after peripheral injury. JOURNAL OF NEUROINFLAMMATION, v. 9, MAY 7 2012. Citações Web of Science: 8.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.