Busca avançada
Ano de início
Entree

Obtenção de séries dendrocronológicas de araucárias para estudos geofísicos e climáticos

Processo: 10/02265-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geofísica
Pesquisador responsável:Alan Prestes
Beneficiário:Aline Conceição da Silva
Instituição-sede: Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento (IP&D). Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP). São José dos Campos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/02907-8 - Estudo das inter-relações sol-terra-clima por meio de registros observacionais e naturais, AP.JP
Assunto(s):Geofísica espacial

Resumo

Os estudos científicos sobre o passado são baseados em medidas feitas sobre registros naturais que, de uma maneira geral, fornecem informações sobre fenômenos do passado acontecidos antes do homem começar a estudá-los. A dendrocronologia determina a idade das árvores pela análise dos anéis de crescimento formados em seu tronco ano a ano e estabelece relações com eventos climáticos e geofísicos. O conhecimento adquirido de estudos dendrocronológicos tem um vasto campo de aplicações, entre estas estão: a dendroclimatologia relaciona os anéis de crescimento anual com as condições climáticas, permitindo reconstruções e caracterizações de mudanças na temperatura global e da alternância de períodos secos e úmidos que ocorreram no passado; a dendroecologia possibilita determinar o desenvolvimento das árvores em plantações, definir os processos de manutenção das áreas plantadas para a obtenção da rentabilidade desejada, bem como caracterizar os efeitos do desmatamento sobre o restabelecimento das populações nativas; a Dendrogeologia relaciona as datações de eventos geológicos passados como erupções vulcânicas, terremotos, movimento de dunas, entre outros. Os registros instrumentais de mudanças do clima são insuficientes para observar e estudar como o sistema do clima opera em escalas de tempo muito maiores do que umas poucas décadas ou sob forçantes climáticos diferentes do presente. Assim, há a necessidade de se entender e estimar as mudanças ambientais de longos períodos que ocorreram ou ocorrerão. A dendrocronologia pode ser a ligação do presente e futuro dentro do amplo contexto de muitas realizações do sistema dinâmico do clima passado. Baseado nestas considerações pretende-se obter séries dendrocronológicas para estudar fenômenos geofísicos e climáticos no passado, para inferir o comportamento no futuro. Com a obtenção dessas séries há possibilidade de desenvolver uma vasta gama de estudos envolvendo diferentes técnicas, abrangendo varias área como climatologia, geofísica, ecologia, química, informática, matemática, estatística, etc.