Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da citotoxicidade do diuron e seus metabólitos em células uroteliais in vitro

Processo: 09/51793-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2009
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2009
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Pesquisador responsável:João Lauro Viana de Camargo
Beneficiário:Mitscheli Sanches da Rocha
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:06/60506-1 - Praguicidas agrícolas como fator de risco: avaliações toxicopatológica, imunológica, molecular e analítica em modelos experimentais de exposição única e combinada, AP.TEM
Assunto(s):Citotoxicidade   Técnicas in vitro   Diurona   Urotélio

Resumo

O diuron é um herbicida amplamente utilizado no Brasil e exerce atividade carcinogênica na bexiga de ratos quanto administrado em altas concentrações. O modo de ação (MOA) cancerígeno proposto para essa substância inclui citotoxicidade urotelial e necrose, seguida de hiperplasia regenerativa, que pode ser induzida tanto pela produção de precipitados urinários quanto pela toxicidade do próprio químico ou de seus metabólitos. Em recente estudo, ratos Wistar machos foram expostos a dietas contendo Diuron 2500ppm ou Diuron 2500ppm e NH4CI 10.000ppm para acidificação do pH urinário. Neste último grupo ocorreu redução da quantidade de cristais e precipitados, mas não foi comprometido o aumento da incidência de lesões uroteliais verificado após 15 e 25 semanas. Essas observações sugerem que as lesões uroteliais não estão relacionadas ao sedimento urinário, tornando necessário explorar outras possibilidades de ação cancerígena desse herbicida. Algumas substâncias químicas são cancerígenos indiretos porque necessitam ser previamente metabolizadas para exercer a atividade carcinogenética. O Diuron é rapidamente absorvido pelo trato gastrointestinal em ratos, sendo excretado principalmente pela urina em sua forma original ou metabolizado em DCPU, DCPMU e DCA. O objetivo desse trabalho é a determinar e comparar a citotoxicidade do Diuron e de seus metabólitos em duas linhagens celulares uroteliais distintas: MYP3 (rato) e 1T1 (humano), explorando um possível MOA e fornecendo as informações relevantes para a avaliação do risco desse herbicida sobre a saúde humana. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.