Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de uma nova estratégia para obtenção de filmes finos de snO2:sb a partir de nanopartículas com características hidrofóbicas

Processo: 08/57027-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2008
Vigência (Término): 31 de julho de 2010
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Edson Roberto Leite
Beneficiário:Cauê Favero Ferreira
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:98/14324-0 - Multidisciplinary Center for Development of Ceramic Materials, AP.CEPID
Assunto(s):Nanopartículas   Coloides   Filmes finos

Resumo

Óxidos condutores transparentes (OCTs), na forma de filmes nanoestruturados, são atualmente de grande interesse tecnológico pela gama de aplicações possíveis. Estes materiais apresentam alta transparência na região do visível, absorção óptica na região do infravermelho e condutividade elétrica, o que os capacita para aplicação em diversos dispositivos. Por estas razões, existem atualmente muitos estudos visando o aperfeiçoamento dos métodos de deposição destes filmes. Dessa maneira, este projeto propõe o desenvolvimento de um novo método de formação de filmes finos a partir de suspensões coloidais de dióxido de estanho (SnO2) dopado com antimônio (SB), conhecido pela sigla ato. O diferencial deste novo método proposto está na formação de ligações primárias covalentes entre as nanopartículas de ato e o substrato, tais ligações serão obtidas através da modificação da superfície dos mesmos, inserindo grupos funcionais orgânicos que possuam afinidade química entre si, o que torna possível a formação de uma ligação primária durante o processo de deposição a estabilidade da suspensão obtida com o ato funcionalizado em um solvente apropriado irá permitir a deposição através da técnica de; "dip-coating". O projeto terá enfoque no controle de monocamadas de nanopartículas de ato, através da seleção de agentes de acoplamento modificadores de superfície tanto para o substrato quanto para as nanopartículas. (AU)