Busca avançada
Ano de início
Entree

Medidas da produção de fluorescência atmosférica e análise dos dados híbridos do Observatório Pierre Auger

Processo: 02/08295-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2002
Vigência (Término): 30 de setembro de 2004
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física das Partículas Elementares e Campos
Pesquisador responsável:Carlos Ourivio Escobar
Beneficiário:Ernesto Kemp
Instituição-sede: Instituto de Física Gleb Wataghin (IFGW). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:99/05404-3 - Observatório Pierre Auger, AP.TEM
Assunto(s):Física de alta energia   Radiação cósmica

Resumo

Esse projeto propõe duas atividades a serem desenvolvidas no âmbito do Observatório Pierre Auger (Projeto Temático FAPESP 99/05404-3), dedicado ao estudo dos raios cósmicos de energia muito alta E > 1019 eV. A primeira atividade será a medida em laboratório da taxa de produção de fótons de fluorescência por partículas carregadas em gases atmosféricos. Essa medida é de grande importância no estudo do espectro da radiação cósmica, pois fornece o parâmetro fundamental que possibilita a conversão do fluxo de fótons que atinge o telescópio de fluorescência no número de partículas contidas do chuveiro atmosférico, este por sua vez, proporcional à energia da partícula primária. A segunda atividade é a análise dos dados híbridos coletados com o protótipo do experimento (Engeneering Array), já em funcionamento na Argentina. Esta atividade se desdobra em: i) o estudo dos eventos híbridos para caracterizarmos a melhoria no desempenho do experimento (resolução angular e energética) e identificarmos erros sistemáticos e suas fontes através do confronto de resultados obtidos de forma independente com os dois tipos de detectores do Observatório Auger; ii) o desenvolvimento de técnicas de análise, visando sua aplicação aos dados a serem produzidos pelo observatório já em sua configuração final. Ressaltamos que concernente ao item i) também existe a possibilidade de obtenção prévia de resultados físicos relevantes. (AU)