Busca avançada
Ano de início
Entree

Alterações neurogênicas e humorais provocada pelo diabetes e pela sobrecarga de salina

Processo: 00/13617-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2001
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2002
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Maria Claudia Costa Irigoyen
Beneficiário:Gabriela Calicchio
Instituição-sede: Instituto do Coração Professor Euryclides de Jesus Zerbini (INCOR). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Diabetes mellitus   Pressão sanguínea   Sistema nervoso simpático   Vasopressinas

Resumo

Estudos epidemiológicos têm demostrado significativa associação entre ingesta de sal na dieta e hipertensão. Os mecanismos responsáveis pelo aumento de pressão arterial em resposta a ingesta alta de sal em pacientes hipertensos sal-sensíveis são complexos e apenas parcialmente compreendidos. Em particular, pacientes diabéticos freqüentemente são sal-sensíveis e acréscimos de sal na dieta podem resultar em aumentos de pressão arterial e risco de eventos cardiovasculares (Weir, 1998). Animais diabéticos, quando submetido a sobrecarga salina, apresentam aumentos significativos de pressão artéria sistólica, diastólica e média indicando que o sal parece deflagrar o fenótipo de hipertensão sal-sensível (dados ainda não publicados) já observado por outros investigadores (Santos, 1995). A manutenção da pressão arterial em um determinado nível é o resultado da interação de vários hormônios vasoativos e sistema nervoso (Gavras, 1982). Os sistemas regulatórios primariamente responsáveis pela manutenção da pressão arterial sistêmica são o sistema nervoso autônomo, sistema renina-angiotensina e sistemas reflexos que controlam a secreção de vasopressina (Houck, 1983; Brand; 1988, Gavras, 1982). (AU)