Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de propriedades plasticas do exopolissacarideo produzido por botryosphaeria rhodina

Processo: 09/51278-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2009
Vigência (Término): 31 de julho de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Valéria Marta Gomes de Lima
Beneficiário:Felipe Berto Altarugio
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Letras (FCL-ASSIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Assis. Assis , SP, Brasil
Assunto(s):Biofilmes   Biopolímeros

Resumo

O fungo Botryosphaeria sp, isolado de cancro de eucalipto, foi reconhecido como um fitopatógeno, com atividade ligninolítica e produtor de lacases. Durante o seu cultivo, foi verificado o aumento da viscosidade do meio, o qual ocorreu devido à produção de um exopolissacarídeo (EPS), que foi identificado como uma beta-glucana com ligações beta-(1-3; 1-6), através de hidrólise enzimática. Devido ao conhecimento sobre o uso de EPS de múltiplas fontes em diversos segmentos industriais, como formadores de gel e espessante, dentre outras propriedades, intencionou-se a pesquisa referente à formação de filmes a partir do EPS produzido pelo B. rhodina, visto que há poucos dados sobre sua utilização tanto na literatura cientifica nacional como internacional. Neste trabalho serão analisadas a espessura, permeabilidade ao vapor de água, transmissão de luz e transparência, absorção de umidade e solubilidade, propriedades mecânicas e aplicação em embalagens de alimentos dos filmes produzidos da mistura do EPS botriosferana com outros biopolímeros, como xantana, amido, goma guar, óleo vegetal, sacarose e caseína. Devido aos poucos relatos sobre esse EPS, existe um campo em aberto para investigar sua produção e caracterização, com seu potencial de aplicação em diferentes áreas, visto que os EPS em geral possuem várias e importantes aplicações industriais. (AU)