Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo numérico de propagação de ondas acústicas

Processo: 05/00001-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2005
Vigência (Término): 30 de abril de 2007
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Aeroespacial
Pesquisador responsável:Leandro Franco de Souza
Beneficiário:Leandro Dantas de Santana
Instituição-sede: Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Aeroacústica

Resumo

O estudo da Mecânica de Fluídos Computacional (CFD - Computational Fluid Dynamics) tem feito grandes progressos nas últimas décadas. Uma questão óbvia a se fazer é: ``Por que não utilizar os métodos computacionais do CFD para se estudar aeroacústica?'' Uma resposta possível é que a maioria dos problemas em CFD são independentes do tempo e problemas aeroacústicos são, por definição, dependentes do tempo. Outra respostapossível é que a natureza, características e objetivos de problemas em aeroacústica são bastante diferentes daqueles enfrentados no estudodo CFD. Uma particularidade muito interessante do estudo da Aeroacústica Computacional (CAA - Computational Aeroacoustics) é que a maioriados métodos considerados extremamente precisos no estudo do CFD são considerados inúteis no estudo da CAA.Os estudos em aeroacústica têm aplicação principalmente na indústria aeronáutica, onde é necessário prever as fontes de ruído causadas peloescoamento de fluido. Como esta é uma área relativamente nova no mundo inteiro, o que se encontra na literatura é o desenvolvimento deesquemas numéricos que permitam o estudo da geração e propagação de ondas. Estes esquemas têm como principais características a baixas dispersão e dissipação numéricas.A proposição desse projeto é reproduzir e desenvolver códigos computacionais específicos para o estudo de propagação de ondas acústicas, e analisar as diferentes soluções que cada método apresenta quando aplicados a casos testes. Estes casos testes tem solução analítica conhecida, permitindo comparação com a solução numérica que será obtida.