Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do niquel e taxa de resfriamento na temperabilidade de acos inoxidaveis martensiticos fundidos.

Processo: 07/53873-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2007
Vigência (Término): 31 de julho de 2008
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica
Pesquisador responsável:Neide Aparecida Mariano
Beneficiário:Víctor Ferrinho Pereira
Instituição-sede: Universidade São Francisco (USF). Campus Itatiba. Itatiba , SP, Brasil
Assunto(s):Aço inoxidável   Mudança de fase   Tratamento térmico

Resumo

O controle dos ciclos térmicos utilizados nos tratamentos térmicos de têmpera e de revenimento dos aços inoxidáveis martensíticos é de extrema importância, pois estudos têm mostrado que as perdas da resistência mecânica e da corrosão dessas ligas podem ser atribuídas à precipitação de carbonetos durante o revenimento. Assim, o objetivo deste trabalho é estudar o efeito do Níquel e a taxa de resfriamento na temperabilidade de ligas de aços inoxidáveis martensíticos fundidos com composição química distintas. Pretende-se obter as condições otimizadas dos tratamentos térmicos de têmpera e revenido, através dos valores das temperaturas inicial e final da transformação austenítica e as temperaturas de início e de fim da formação martensítica, através de ensaios dilatométricos com resfriamento contínuo. Também, serão realizados ensaios dilatométricos com resfriamentos isotérmicos, para obter os dados da cinética de transformação de fases iniciais. Os resultados obtidos serão de grande importância para o setor de fundição de aços Inoxidáveis, pois poderá sugerir e propor alternativas nos tratamentos térmicos que possibilitarão o melhor desempenho dos materiais nas condições de serviço, otimizando as propriedades mecânicas. (AU)