Busca avançada
Ano de início
Entree

Quantificação da intensidade de sinal de ressonância magnética em hipocampos de pacientes com epilepsia de lobo temporal familiar

Processo: 00/05252-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2000
Vigência (Término): 30 de novembro de 2001
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Fernando Cendes
Beneficiário:Ana Carolina Coan
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Ressonância magnética

Resumo

A epilepsia de lobo temporal (ELT) é a mais freqüente epilepsia parcial em adultos, com alta correlação com esclorose mesial temporal (EMT). As crises geralmente têm início na infância, retomando no adulto após período de bom controle ou remissão, tornando-se refratárias em 40% dos casos. O tratamento clínico da ELT é eficaz em apenas 50% dos casos. O tratamento cirúrgico proporciona excelentes resultados em pacientes com crises refratárias, sobretudo quando a neuroimagem revela uma atrofia hipocampal. O uso da ressonância magnética (RM) na investigação diagnostica da ELT permite a detecção, in vivo, de alterações estruturais relacionadas com EMT. Também, a análise quantitativa dessas estruturas, através de medidas de volume e sinal, trouxeram maior precisão na determinação de patologia hipocampal. Apesar de inicialmente correlacionada a quadros refratários, a patologia hipocampal tem sido descrita também em pacientes com boa evolução e em casos familiares, incluindo casos de crise única ou remissão espontânea. Esse estudo tem assim por objetivo quantificar a alteração de sinais T1 e T2 nos hipocampos de indivíduos com ELT familiar, bem como correlacionar a presença e o grau de alteração de sinal com volume do hipocampo e variáveis clínicas, como freqüência de crises, idade do paciente, antecedente de convulsão febril e duração da epilepsia. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
A.C. COAN; E. KOBAYASHI; I. LOPES-CENDES; L.M. LI; F. CENDES. Abnormalities of hippocampal signal intensity in patients with familial mesial temporal lobe epilepsy. Brazilian Journal of Medical and Biological Research, v. 37, n. 6, p. 827-832, Jun. 2004.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.