Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da ativação de vias pró-inflamatórias em hipotálamo de ratos tratados com dieta hiperlipídica

Processo: 05/00497-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2005
Vigência (Término): 30 de setembro de 2006
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Licio Augusto Velloso
Beneficiário:Eliana Pereira de Araujo
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Diabetes mellitus   Citocinas   Endocrinologia   Obesidade   Insulina

Resumo

Diversos estudos epidemiológicos revelam que o consumo de dietas ricas em lípides é um dos mais importantes fatores de risco para o desenvolvimento de obesidade e diabetes. Com o objetivo de avaliar o papel de uma dieta hiperlipídica sobre o padrão de expressão gênica no hipotálamo, órgão que coordena a ingestão alimentar e a termogênese, realizamos, numa fase preliminar deste projeto, uma análise comparativa da expressão gênica utilizando a técnica do cDNA macroarray. Para tal, ratos Wistar foram alimentados durante 16 semanas com dieta hiperlipídica (24% de gordura saturada de origem animal), sendo a seguir utilizados para obtenção de mRNA hipotalâmico empregado no cDNA macroarray. De 1176 especificidades de mRNA avaliados observou-se a modulação positiva ou negativa de 170 especificidades. Vários dos genes modulados codificam proteínas participantes de respostas pró-inflamatórias como TNF-a, IL-2, IL-6 e IL-1b. Em estudos recentes observaram-se que citocinas pró-inflamatórias produzidas pelo tecido adiposo desencadeiam sinais intracelulares que culminam com a parcial inibição da via de sinalização da insulina em órgãos caracterizados como alvos tradicionais para ação deste hormônio como músculo, fígado e o próprio tecido adiposo. Evidências recentes indicam ainda que a insulina age no hipotálamo onde participa do controle da fome e da termogênese. Desta forma, o presente projeto pretende investigar o papel da resposta pró-inflamatória hipotalâmica sobre diversos fenômenos fisiopatológicos envolvidos com a gênese da obesidade e diabetes mellitus. Desta forma, será avaliada a ativação da via pró-inflamatória da JNK (alvo preferencial do TNF-a) em hipotálamo de ratos alimentados com dieta hiperlipídica, e o papel do bloqueio desta via com o inibidor químico específico SP600125 sobre a ação hipotalâmica da insulina, sobre o controle do peso corpóreo e sobre o controle da ingestão de alimento. Serão ainda avaliados os efeitos isolados do TNF-a sobre a ativação da via da JNK e sobre a ativação da via de sinalização da insulina em hipotálamo de ratos.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.