Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos do treinamento físico de curta e longa duração na musculatura esquelética de ratas espontaneamente hipertensas (SHR): participação do fator de crescimento derivado do endotélio (VEGF) na angiogênese induzida pelo exercício físico na hipertensão

Processo: 02/05761-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2002
Vigência (Término): 19 de julho de 2004
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia do Esforço
Pesquisador responsável:Lisete Compagno Michelini
Beneficiário:Sandra Lia do Amaral Cardoso
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Hemodinâmica   Hipertensão   Microcirculação   Treinamento físico   Fatores de crescimento do endotélio vascular

Resumo

A hipertensão é um dos principais fatores de risco para doenças cardiovasculares. Dentre as diversas terapias não farmacológicas no controle da hipertensão, o exercício físico tem sido cada vez mais utilizado como coadjuvante no controle da hipertensão. Demonstramos em nosso laboratório que, dentre os mecanismos responsáveis pela queda da pressão, arterial induzida pelo treinamento físico, podemos destacar a diminuição da razão parede luz das arteríolas da microcirculação em animais hipertensos machos. No entanto, os efeitos do treinamento físico (TF) em fêmeas ainda estão por ser estabelecidos, tendo em vista que os níveis pressóricos e as respostas aos tratamentos anti-hipertensivos são diferentes entre machos e fêmeas. Descrevemos também o papel do sistema renina angiotensina e do fator de crescimento derivado do endotélio (VEGF) na angiogênese da musculatura esquelética, uma das principais adaptações da musculatura ao treinamento físico, no entanto, este papel ainda não esta descrito na hipertensão. Portanto, este projeto tem como objetivos caracterizar e comparar em ratas espontaneamente hipertensas (SHR) e normotensas (WKY), as respostas hemodinâmicas durante o repouso e exercício escalonado, assim como verificar o papel do VEGF nas alterações estruturais da microcirculação induzidas pelo TF em ratas espontaneamente hipertensas. Com o intuito de verificar a participação da atividade simpática e parassimpática, pretendemos também estudar a variabilidade da PA após TF em SHR. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
S.L. AMARAL; L.S. SANCHEZ; A.J.B.A. CHANG; L.V. ROSSONI; L.C. MICHELINI. Time course of training-induced microcirculatory changes and of vegf expression in skeletal muscles of spontaneously hypertensive female rats. Brazilian Journal of Medical and Biological Research, v. 41, n. 5, p. 424-431, Maio 2008.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.