Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliacao da funcao endotelial em adultos jovens com e sem antecedente familiar de hipertensao arterial e sua relacao com as isoformas da enzima conversora de angliotensina (eca) na urina.

Processo: 01/13840-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2002
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2005
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Dulce Elena Casarini
Beneficiário:Andressa Melina Severino Teixeira
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Hipertensão   Endotélio   Ultrassonografia

Resumo

O endotélio exerce funções vitais para a homeostase vascular, regulando o nível pressórico e a espessura da parede do vaso, através de fatores derivados do endotélio (óxido nítrico e endotelina) e da associação com a enzima conversora de angiotensina (ECA). Na hipertensão arterial, a alteração dessa regulação tem sido documentada na micro e na macrocirculação periférica. A vasodilatação endotélio dependente prejudicada aparece como um fenômeno primário associada à hipertensão essencial, porque pode ser detectada em filhos de pacientes hipertensos. Associado este caráter genético da disfunção endotelial com as isoformas de ECA presente na urina, as quais nosso laboratório já comprovou estarem presentes com pesos moleculares distintos em indivíduos normotensos e hipertensos, bem como em indivíduos normotensos e hipertensos, bem como em indivíduos normotensos filhos de hipertensos, estaremos desenvolvendo um estudo onde essas isoformas poderiam ajudar a explicar os diferentes níveis de respostas vasodilatadora endotelial, servindo como um indicador de tal alteração em adultos jovens com e sem antecedente familiar de hipertensão. Estes serão submetidos a exame ultra-sonográfico onde a disfunção poderá ser detectada, e posteriormente haverá coleta de urina. A partir desta amostra, as isoformas de ECA serão identificadas e analisadas e servirão como marcadores da possível disfunção endotelial, delineando o que poderá ser um pré diagnóstico de hipertensão e definindo o objetivo de nosso trabalho. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
TEIXEIRA, A. M. S.; PLAVNIK, F. L.; FERNANDES, F. B.; MARSON, O.; CHRISTOFALO, D. M. J.; AJZEN, S. A.; SESSO, R.; FRANCO, M. C.; CASARINI, D. E. Association of urinary 90 kDa angiotensin- converting enzyme with family history of hypertension and endothelial function in normotensive individuals. Brazilian Journal of Medical and Biological Research, v. 41, n. 5, p. 351-356, 2008.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.