Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliacao do efeito antiproliferativo e citotoxico do inibidor de hipusinacao do fator de inicio de traducao 5a (eif5a).

Processo: 01/11172-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2002
Vigência (Término): 31 de julho de 2003
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Carlos Alberto de Souza Costa
Beneficiário:Andreia Galdin Moreira
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:00/11397-9 - Estudo do bloqueio do fator de início de tradução de eucariotos 5A (eiF5A): abordagem estrutural e bioquímica, AP.JP
Assunto(s):Proliferação celular   Inibidores   Fator de iniciação 5A em eucariotos   Hipusina

Resumo

O crescimento celular é um fenômeno complexo que envolve a participação de diferentes vias celulares. A alteração de algumas dessas vias pode levar à tumorigênese. O estudo do bloqueio das diferentes vias celulares que possam estar envolvidas no desenvolvimento neoplásico é de grande importância para o desenvolvimento de inibidores, assim como de novas terapias anticancerígenas. O fator de início de tradução de eucariotos 5A (elF5A) tem sido relacionado à proliferação celular. Este fator é a única proteína descrita que possui um aminoácido incomum chamado hipusina, formado através de uma modificação pós-traducional, chamada hipusinação, em um resíduo específico de lisina. A conversão de lisina em hipusina na estrutura de elF5A é fundamental para sua funcionalidade. Desta maneira, o bloqueio do processo de hipusinação tem sido relacionado à inibição da proliferação celular. No presente estudo pretende-se analisar o efeito antiproliferativo e citotóxico de inibidores da desoxihipusina hidroxilase, segunda enzima do passo de hipusinação. Esta análise também será feita de maneira combinada com drogas de ação anticancerígena, contribuindo para uma melhor compreensão das vias responsáveis pela atividade de elF5A e envolvidas no controle da proliferação celular. (AU)