Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização cinética da atividade k+-fosfatase da (Na,K)-ATPase branquial do camarão de água doce Macrobrachium amazonicum (Crustacea, Palaemonidae) adultos cultivados

Processo: 09/50338-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2009
Vigência (Término): 30 de abril de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Enzimologia
Pesquisador responsável:Francisco de Assis Leone
Beneficiário:João Carlos Baldo
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil

Resumo

Este projeto de IC é uma continuidade de nossa linha de pesquisa que vem sendo apoiado pela FAPESP, cujo objetivo é o estudo sistemático das propriedades estruturais e cinéticas da Na+/K+-ATPase do tecido branquial de diferentes espécies de caranguejos e camarões afim de se tentar estabelecer um modelo para adaptação dos crustáceos a ambientes de diferentes salinidades. A fim de se obter informações que permitam contribuir para uma melhor compreensão das adaptações fisiológicas e bioquímicas associadas à mudança de salinidade, no presente presente projeto serão utilizados camarões adultos de Macrobrachium amazonicum cultivados no Centro da Carcinicultura da UNESP de Jaboticabal e serão desenvolvidos os seguintes experimentos: 1) preparação da Na+/K+-ATPase do tecido branquial de animais adultos coletados diretamente do Centro de Carcinicultura; 2) caracterização cinética da atividade da enzima em relação aos ligantes PNPP, sódio, potássio, magnésio e amônio. 3) quantificação da enzima através de imunoblotting. 4) determinação da abundância relativa da enzima. 5) efeito da temperatura na aclimatação dos animais; 6) dosagem de íons e osmalaridade da hemolinfa. Espera-se que os resultados obtidos nesse estudo possam contribuir para o avanço do conhecimento acerca da Na+/K+-ATPase de brânquia de crustáceos, ainda muito pouco estudadas, bem como colaborar para a compreensão dos mecanismos envolvidos na conquista do ambiente dulcícola/terrestre pelos crustáceos decápodes. (AU)