Busca avançada
Ano de início
Entree

Identificação e clonagem da enzima iduronosil-2-o-sulfotransferase no invertebrado Achatina fulica

Processo: 05/50580-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2005
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2005
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Enzimologia
Pesquisador responsável:Helena Bonciani Nader
Beneficiário:Tarsis Gesteira Ferreira
Instituição-sede: Instituto Nacional de Farmacologia (INFAR). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Glicosaminoglicanos   Heparitina sulfato   Biossíntese   Heparina

Resumo

A 2-O-iduronosil-sulfotransferase é uma enzima localizada no Complexo de Golgi, e envolvida com a síntese de heparam sulfato e heparina. Estes glicosaminoglicanos possuem semelhanças estruturais, porém apresentam localização e funções distintas. Esta proteína já foi clonada em humanos, camundongo, sapo, galo e abelha, mostrando-se extremamente conservada. O presente projeto visa investigar a participação da 2-O-iduronosil-sulfotransferase na síntese de um polissacarídeo que possui uma estrutura totalmente atípica, intermediária entre heparam sulfato e heparina. Sua estrutura constitui-se de dissacarídeos repetitivos de N-acetilglucosamina-a(1-4)-ácido-L-idurônico-2-sulfato, e foi denominado Acaram sulfato pelo fato de ser sintetizado em grande quantidade no molusco Achatina fulica, uma lesma gigante da África. (AU)