Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo do sono como fator prognóstico em um modelo experimental de doença auto imune

Processo: 06/57158-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2007
Vigência (Término): 30 de junho de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Neuropsicofarmacologia
Pesquisador responsável:Sergio Tufik
Beneficiário:Beatriz Duarte Palma Xylaras
Instituição-sede: Departamento de Psicobiologia. Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:98/14303-3 - Center for Sleep Studies, AP.CEPID
Assunto(s):Lúpus eritematoso sistêmico   Privação de sono   Sono

Resumo

Uma das funções atribuídas ao sono é a de restauração e regulação da qualidade do sistema imunológico. A letargia e o desejo intenso de dormir que acompanham certas infecções e o fato da privação de sono (PS) tornar um organismo mais susceptível são evidências importantes que suportam a teoria de que o sono é um componente importante na integridade do sistema imunológico. Em especial, ao aumento na duração do sono observado durante quadros infeccioso-inflamatórios atribui-se função prognostica, uma vez que tal aumento está associado ao processo de recuperação, cuja função do sono é aumentar a habilidade do sistema imunológico frente a um estímulo patogênico. Da mesma forma, algumas observações sugerem que o padrão de sono reflete a progressão da doença. No entanto, poucos estudos experimentais têm sido conduzidos para testar o impacto funcional do sono na atividade do sistema imunológico. Diante disto, este estudo se propõe a estudar a função prognostica do sono em um modelo experimental de doença auto-imune, o lúpus eritematoso sistêmico (LES). O LES é uma doença auto-imune com alto potencial inflamatório e que apresenta sérios distúrbios de sono. Para testar nossa hipótese, estudaremos o padrão de sono em distintos momentos da manifestação da doença e também avaliaremos o impacto da PS quando aplicada no período crítico do LES. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PALMA, BEATRIZ DUARTE; TUFIK, SERGIO. Increased Disease Activity is Associated with Altered Sleep Architecture in an Experimental Model of Systemic Lupus Erythematosus. Sleep, v. 33, n. 9, p. 1244-1248, SEP 1 2010. Citações Web of Science: 9.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.