Busca avançada
Ano de início
Entree

Evolução do comportamento na aranha cuspideira (Scytodes spp., Araneae, Scytodidae)

Processo: 04/00296-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2004
Vigência (Término): 31 de maio de 2005
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Comportamento Animal
Pesquisador responsável:Hilton Ferreira Japyassú
Beneficiário:Fábio de Andrade Machado
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:99/05446-8 - Biodiversidade de Arachnida e Myriapoda do estado de São Paulo, AP.BTA.TEM
Assunto(s):Comportamento de forrageamento animal   Comportamento predatório animal   Aranhas   Evolução animal

Resumo

Scytodes (Araneae: Scytodidae) apresentam um método singular de captura entre as aranhas: eles expelem uma substância de suas quelíceras sobre suas presas, imobilizando-as e envenenando-as. O gênero apresenta também uma grande diversidade de hábitos: presença ou ausência de teia com função de captura, com aranhas que capturam na teia, fora dela ou ambos. Apresentam também diferentes graus de socialização assim como indivíduos solitários. A filogenia de tais aranhas ainda não permite explicar o surgimento deste comportamento peculiar de captura. Faz-se então necessário o aprofundamento do estudo filogenético do grupo para possibilitar um maior esclarecimento. O presente trabalho estudará o comportamento de forrageamento dentro do grupo, buscando estabelecer homologias entre caracteres comportamentais de forrageamento. Será feita, para tal, a observação de três espécies de Scytodes, e a comparação com 2 grupos externos pertencentes às famílias Sicariidae e Phocidae. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
JAPYASSU, HILTON F.; MACHADO, FABIO DE A. Coding behavioural data for cladistic analysis: using dynamic homology without parsimony. CLADISTICS, v. 26, n. 6, p. 625-642, DEC 2010. Citações Web of Science: 8.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.