Busca avançada
Ano de início
Entree

A influência do aerossol atmosférico nas concentrações dos poluentes fotoquímicos

Processo: 01/03425-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2001
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2003
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Meteorologia
Pesquisador responsável:Maria de Fátima Andrade
Beneficiário:Regina Maura de Miranda
Instituição-sede: Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:96/01403-4 - Meteorologia e poluição atmosférica em São Paulo, AP.TEM
Assunto(s):Poluição atmosférica   Radiação atmosférica   Aerossóis   Oxidantes fotoquímicos   Modelos de qualidade do ar   Fotólise   Mudança climática

Resumo

Neste estudo será avaliada a influência do aerossol atmosférico nos processos de formação de oxidantes fotoquímicos presentes nas atmosferas de áreas urbanas e remotas. Esta influência ocorre devido ao fato de que as partículas podem aumentar ou diminuir a razão de fotólise de certos compostos. Serão utilizados dados experimentais de aerossol urbano (da Região Metropolitana de São Paulo) e biogênico (da região Amazônica), em suas componentes solúvel, insolúvel e black carbon, calculadas suas propriedades físico-químicas e ópticas, e estas inseridas num modelo de transferência radiativa a fim de se obter as razões de fotólise de certos compostos. Estes resultados serão então introduzidos num modelo fotoquímico obtendo-se a variação temporal e espacial de traçadores dos processos fotoquímicos (como o ozônio e outros), e ainda seus perfis verticais, e também do perfil do aerossol. Numa segunda etapa, a influência no perfil de temperatura será estudada utilizando-se modelos numéricos. (AU)