Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicação do Método de Rietveld e da microscopia de força atômica na caracterização mineralógica da fração argila de latossolos do Estado de São Paulo

Processo: 03/07925-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2004
Vigência (Término): 31 de agosto de 2006
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências
Pesquisador responsável:Yvonne Primerano Mascarenhas
Beneficiário:Marcelo Eduardo Alves
Instituição-sede: Instituto de Física de São Carlos (IFSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Raios X   Raios gama   Cristalografia

Resumo

O projeto objetiva: (/) avaliar a possibilidade de utilização do método de Rietveld (MR) para a quantificação simultânea das fases inorgânicas cristalinas e amorfa total presentes na fração argila de Latossolos; (//) combinar os resultados do refinamento de Rietveld, dados cristalográficos e resultados de análises químicas obtidos por espectroscopia de fluorescência de raios X visando à uma primeira aproximação da natureza química e dos teores individuais das fases amorfas e (iii) associar resultados de difratometria de raios X e microscopia de força atômica (AFM) visando possibilitar a identificação de partículas de caulinita, gibbsita, hematita e goethita em imagens obtidas por AFM. Além do aspecto quantitativo, será avaliada também a viabilidade do uso do MR para a avaliação da substituição de Al por Fe na estrutura da caulinita e de Fe por Al na estrutura de óxidos de ferro. As conclusões serão baseadas em comparações entre os resultados obtidos com o MR e aqueles obtidos com métodos de reconhecida eficiência e amplamente utilizados na Ciência do Solo para análises mineralógicas quali-quantitativas. Os resultados indicarão a possibilidade de execução de análises mineralógicas ultradetalhadas na fração argila de Latossolos com bom grau de exatidão e expressiva redução de tempo e recursos financeiros e poderão também ampliar a utilidade da AFM em estudos de Química e Mineralogia do Solo. (AU)