Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise e diagnóstico do sistema interligado brasileiro com relação a violação de restrições elétricas

Processo: 05/02123-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2006
Vigência (Término): 30 de junho de 2006
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica
Pesquisador responsável:Luiz Carlos Pereira da Silva
Beneficiário:Taciana de Vasconcelos Menezes
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Elétrica e de Computação (FEEC). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Estabilidade

Resumo

Este projeto pretende incluir critérios de segurança na programação da operação do Sistema Interligado Nacional brasileiro (SIN), realizando para isso um estudo mais detalhado considerando as características e restrições elétricas do sistema de transmissão. Esta idéia será aplicada para resolver um dos objetivos do projeto temático do grupo [1], nº04/14531-9, o qual tem como finalidade a concepção, desenvolvimento, implementação e teste de metodologias para a programação da operação de sistemas de energia elétrica que considere suas principais características eletro-energéticas, e que possa, após essa representação detalhada, explorar os benefícios da otimização mantendo os requisitos da segurança.Atualmente o método executado pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) para o planejamento de curto prazo da operação do SIN é baseado em modelos de pré-despacho DC e considera apenas os limites de fluxo potência ativa nas linhas de transmissão e geradores. A metodologia a ser desenvolvida nessa pesquisa terá como base um modelo de fluxo de potência ótimo AC, permitindo a análise e diagnóstico de violações de tensão, fluxos de potência em MVA e de requisitos mínimos de margem de estabilidade de tensão. Com este projeto pretende-se realizar um diagnóstico da condição real da operação do SIN, calculando para isso sua margem de estabilidade de tensão, jamais avaliada até o presente momento, ratificando a importância deste trabalho. Como propostas e melhorias, propõem-se o desenvolvimento de uma estratégia de controle coordenado da tensão para o SIN e uma metodologia de maximização da margem de estabilidade de tensão, como indicativo de segurança da operação do sistema.