Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do efeito antiulcerogênico do citral em modelos experimentais in vivo

Processo: 10/00420-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2010
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Farmacologia Geral
Pesquisador responsável:Clélia Akiko Hiruma Lima
Beneficiário:Ellen Geraldo Ganev
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Produtos naturais   Citral

Resumo

A doença ulcerosa péptica é um mal que acomete boa parte da população brasileira e mundial, tendo sido, por mais de um século, considerada a maior causa de morbidade e mortalidade. Algumas pesquisas ainda apontam-na como sendo um grave fator de morbidade, havendo alto índice de morte em casos extremos como em úlceras hemorrágicas promovidas pelo estresse. Dos muitos recursos terapêuticos existentes hoje no mercado para o tratamento e prevenção de úlceras, ainda não existem drogas que produzam uma total remissão das úlceras gastroduodenais. Estudos recentes apontam que a taxa de cura das úlceras pépticas esta em torno de 95%, no entanto, a taxa de reincidência da doença está entre 65 e 80% um ano após o tratamento e em cerca de 100% após dois anos. Somado a isto, cerca de 60 á 80% da população dos países em desenvolvimento não tem acesso aos medicamentos e dependem essencialmente das plantas para os cuidados primários com a saúde, além disso, os países em desenvolvimento são extremamente dependentes da importação de drogas. Levando em consideração que o Brasil é um país em desenvolvimento e que boa parte da população é dita carente, a busca de novos produtos originários de produtos naturais que possam combater e ou prevenir as doenças ulcerosas pépticas na população brasileira, constitui uma importante alternativa para aumentar o acesso da população aos medicamentos, bem como para oferecer novas opções terapêuticas, contribuindo deste modo para a melhora da qualidade de vida da população. Estudos prévios do efeito antiulcerogênico do citral, um componente do óleo essencial da espécie do gênero Citrus, realizados no Laboratório de Produtos Naturais do Departamento de Fisiologia Humana da Universidade Estadual Paulista - UNESP/Campus de Botucatu demonstraram um alto potencial de gastroproteção deste terpenóide, consequentemente a terapêutica capaz de conferir aumento de tais mecanismos gastroprotetores, como a angiogênese, aumento da produção de muco e bicarbonato, prostaglandinas e glutationa possuem um importante papel na regeneração da mucosa gástrica de pacientes com úlceras pépticas primárias, além de inferirem sobre a qualidade da cicatrização. Levando em consideração tais fatores descritos, esse projeto tem como objetivo avaliar o efeito gastroprotetor e cicatrizante do citral através da quantificação e análise dos mecanismos de defesa citados anteriormente em modelos experimentais in vivo.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)